Sua Conta de E-MAIL

Delegacia Virtual

Visitas - Visits

222277
HojeHoje20
OntemOntem40
Essa SemanaEssa Semana256
Este MêsEste Mês783
TodosTodos222277
54Dot81Dot195Dot140
free counters
eXTReMe Tracker

Seu Endereço WEB

Você está conectado a este site com IP: 54.81.195.140

Cotações - BR

MoedaÚltimoCompraVenda
Dolar/Real
Dolar Tur/Real
Euro x Real
Euro x USD

Rádio On Line

Posição atual da ISS

Enviar a um Amigo

Colaboradores

INTERFERÊNCIAS VINDAS DOS SISTEMAS DE ILUMINAÇÃO PDF Imprimir E-mail
Escrito por Administradores   
Seg, 15 de Setembro de 2014 21:10

 

ABNT E INMETRO APROVAM NORMAS DE CONTENÇÃO DAS RÁDIO INTERFERÊNCIAS VINDAS DOS SISTEMAS DE ILUMINAÇÃO

 

A Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) publicou no dia 21 de agosto de 2014 a norma ABNT NBR IEC/CISPR 15, sobre "Limites e métodos de medição das radioperturbações características dos equipamentos elétricos de iluminação e similares". Trata-se do reconhecimento e nacionalização da consagrada norma internacional CISPR 15, redigida com o intuito de determinar limites de emissividade de lâmpadas, inclusive com a tecnologia LED.

No mesmo mês o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) publicou no Diário Oficial da União a Portaria do MDIC/Inmetro número 389 de 25/08/2014 sobre "Requisito Técnico de Qualidade das Lâmpadas de LED com Dispositivos de Controle Integrados à Base", com exigências sobre segurança, eficiência energética e compatibilidade eletromagnética (EMC) baseando-se na CISPR-15. A produção e comercialização destes produtos no Brasil deverão seguir obrigatoriamente os critérios técnicos de EMC. Os prazos e métodos de avaliação serão organizados por meio de um RAC, o Regulamento de Avaliação e Certificação.

 

Ambos os resultados tiveram direta intervenção da LABRE através do GDE, grupo de Gestão e Defesa Espectral, demandando participação em várias reuniões das comissões de estudos no Comitê Brasileiro de Eletricidade (CB-03) do Comitê Brasileiro de Eletricidade, Eletrônica, Iluminação e Telecomunicações (COBEI) na cidade de São Paulo, bem como debates e consultas públicas realizadas pelo Inmetro na cidade do Rio de Janeiro.

 

Todo trabalho foi custeado pela LABRE São Paulo e por colaboradores voluntários, que contribuem regularmente para manter o GDE em suas atividades institucionais com intuito de reduzir as interferências no espectro eletromagnético.

 

Conheça e apoie o GDE/LABRE. Seja também um colaborador voluntário.

Maiores informações em:

http://www.radioamadores.org/

 

GDE/LABRE, 10 de setembro de 2014

 

http://www.radioamadores.org/news/news-2014/news-2014-23.htm